A salvação que Jesus Cristo conquistou para nós não pode ser comprada com 10% mensais de seu salário...

domingo, 4 de julho de 2010

As Vãs Filosofias.





Vãs filosofias


Por que você vive da forma que vive e age como age? Em que você baseia os seus procedimentos? Possivelmente você jamais pensou no assunto, mas convém você passar alguns momentos considerando-o, pois aquele que deseja levar você para a perdição (o diabo) está altamente interessado em todos os seus afazeres (costumes e práticas), tanto aqueles que você pratica dentro da igreja quanto aos que orientam a sua vida fora dela.

Todos os seus costumes provém de ensinamentos e filosofias de vida que você vem aprendendo desde criança. Grande parte disso tudo é um legado dos seus pais e antepassados, como as tradições de família etc, que determinam como você vive.

Desde a queda de Adão no Jardim do Éden, Satanás procura orientar os procedimentos dos homens através de uma imensa variedade de idéias que a Bíblia chama de vãs filosofias (proposições de vida), não condizentes com a Verdade de Deus. Essas vãs filosofias são produto vazio de homens vazios, isto é, de pessoas que falam e agem como se fossem sábios, mas são apenas atores (o sentido original da designação: filósofo) fazendo o papel de entendidos. São homens que proferem palavras vãs.

No sentido bíblico, as vãs filosofias são ensinamentos vazios, isto é, sem sentido, que não levam a nada e a que faltam conteúdo verdadeiro. Ainda pior, são ensinamentos imbuídos (impregnados) de vãs sutilezas (como se vê na citação: "Cuidado que ninguém vos venha a enredar com sua filosofia e vãs sutilezas, conforme a tradição dos homens, conforme os rudimentos do mundo e não segundo Cristo"(Col.2:8).

As vãs filosofias (ensinamentos vazios) são apresentadas com vãs sutilezas, para que as pessoas não suspeitam nem percebam que, não tendo fundamento algum na Verdade, visam enganar e ludibriá-las. Quanto a isso, Paulo diz: "Evita discussões insensatas, genealogias, contendas e debates sobre a lei; porque não têm utilidade e são fúteis." (Tito 3:9). Sendo produto do mestre da mentira (Satanás), as vãs filosofia têm o objetivo de enredar os homens, prendendo-os na mentira.

A respeito desse tipo de mal, o Senhor Jesus ensinou muito, usando termos como o fermento dos fariseus e saduceus (Mt.16:6), chamando os seguidores daquelas práticas de hipócritas (Mt. 23:13) e de sepúlcros caiados(Mt.23:27), de modo que se você ler atentamente como Jesus falou deles, você entenderá como são as vãs filosofias. É incrível como as vãs filosofias (ensinamentos e doutrinas falsas) procuram se assemelhar a algum princípio do Evangelho, e até utilizam elementos bíblicos para fundamentar o que dizem, mas, deformando-os "conforme a tradição dos homens e os rudimentos do mundo, e não segundo Cristo". Tais ensinamentos são altamente perniciosos. Ao falar em "rudimentos do mundo (...) não segundo a Cristo" na citação acima, o apóstolo Paulo mostra o verdadeiro esquema das vãs filosofias e ensinamentos e doutrinas falsas.

Onde é que está o erro? Em fundamentarem-se num amontoado de rudimentos (elementos) do mundo (espalhados por Satanás entre a humanidade), ao invés de se basearem na unidade e plenitude de Cristo, revelados no Evangelho. Temos de nos lembrar sempre de que "a graça e a Verdade vieram por Jesus Cristo" (João 1:17), e é só Ele "que cumpre tudo em todos"(Efés.1:23).

Todo e qualquer ensinamento ou doutrina que não se mantém firme na base: Cristo é tudo, é uma vã filosofia. Paulo disse: "Decidi nada saber entre vós, senão a Jesus Cristo, e este crucificado"(1 Cor.2:2). "Porque ninguém pode lançar outro fundamento, além do que foi posto, o qual é Jesus Cristo"(1 Cor.3:11).

E o que fazem essas vãs filosofias? No capítulo 2 da epístola aos colossenses, Paulo descreve como Satanás consegue desenvolver a teia da morte na vida dos homens, em três tempos distintos:

Primeiro, Satanás enreda a pessoa, isto é, prende o interesse dela. "Cuidado que ninguém vos enreda (prenda)" (v.8)

Segundo, Satanás julga, isto é, afasta (promove a separação) a pessoa da Verdade, sugerindo-lhe que está errando por não cumprir com certos ritos ou dogmas: "Ninguém, pois, vos julgue por causa de . . ."(v.16)..

Terceiro, Satanás domina a pessoa, ou como é dito em outra versão, ele a priva da recompensa: "Ninguém se faça árbitro contra vós outros (colocando-se como autoridade sobre você) (...) estando debalde inchado na sua carnal compreensão e não ligado à Cabeça (sustentando a autoridade de Cristo)(v,18,19).

Observe o que Paulo disse a Timóteo: "Ora, o Espírito afirma expressamente que, nos últimos tempos, alguns apostatarão da fé, por obedecerem a espíritos enganadores e a ensinos de demônios, pela hipocrisia dos que falam mentiras, e que têm cauterizada a própria consciência" (1 Tim.4:1,2).

Será que deu para você observar como Satanás trabalha para destruir os homens (e mesmo você, se você não cuidar), através de vãs filosofias de ensinamentos vazios e doutrinas falsas?

Trecho do livro,"Coisas Vãs" por Bernardo Snelgrove ( Ministério Verdade Viva)

3 comentários:

  1. Que saudades meus amados irmãos Marcos e Telma...me add para mantermos contato,

    graça e paz

    ResponderExcluir
  2. Que benção este blog ! Verdade genuina e palavra de Deus...faz um tempo que estou buscando água nesta fonte, mas está cada vez mais difícil encontrar cristãos e profetas de Deus. Me add no msn... o endereço esta no meu blog e oemail é o mesmo.
    saudadessssssssssssss

    ResponderExcluir

Obrigado por comentar. Se você vai escrever um insulto obrigado tambem. Se nós lhe ofendemos, desculpe, é para o seu próprio bem. Quem sabe assim acorda antes que seja tarde demais!